domingo, 4 de outubro de 2009

A difícil escolha entre tela de LCD e plasma

A difícil escolha entre tela de LCD e plasma

Com preços cada vez mais atraentes, as finas telas de alta resolução deixam os consumidores confusos ao comprar


segunda-feira, 28 de janeiro de 2008
por
Jocelyn Auricchio
Se você está pensando em comprar uma nova televisão de alta definição, provavelmente está diante de um dilema: LCD ou plasma? As duas tecnologias permitem que os televisores sejam finos e leves ao ponto de serem pendurados na parede como quadros. Mas qual das duas tecnologias é a melhor? E mais importante: qual oferece o melhor custo-benefício?

Os televisores de plasma e LCD parecem bastante similares, mas a única semelhança entre eles é o formato e a espessura da tela. A tecnologia empregada em cada uma delas é radicalmente diferente (veja gráfico ao lado). Cada uma tem seus pontos fortes e fracos, mas nenhuma chega a se sobrepor em relação à outra.

Se você procura uma tela com menos de 40 polegadas, provavelmente vai acabar comprando uma de LCD. Quase não há opções de plasma nesse tamanho.

Alexandre de Andrade Diniz, de 28 anos, comprou uma TV de LCD de 26 polegadas por achar que, em seu apartamento, uma tela maior comprometeria a harmonia da decoração. “Como assisto a um metro de distância, fica perfeito.” Ele usa sua tela para assistir a filmes em DVD e jogar games de última geração.

Já quem procura telas maiores, com 42 polegadas ou mais, encontra nas telas de plasma uma excelente alternativa porque, em geral, são mais baratas do que as de LCD de tamanho equivalente.

Outro fator essencial é o consumo de energia. As telas de plasma mais antigas eram verdadeiras devoradoras de eletricidade. Esse foi um dos motivos para o LCD ganhar terreno.

De um tempo para cá, os fabricantes de plasma desenvolveram formas de reduzir o consumo médio das TVs de plasma, aproximando-o do de uma tela de LCD. Evite modelos antigos de plasma.

Foi por causa da qualidade da imagem que André Faure, de 30 anos, decidiu pela de plasma. “Cheguei à loja completamente indeciso. A diferença de preço não era tão grande”, conta ele. “Acabei ficando com a de plasma pela profundidade do contraste e o melhor desempenho em ambientes internos, com iluminação artificial.”

As TVs de LCD são mais indicadas para locais com muita iluminação natural porque refletem menos luz na tela e sua lâmpada interna favorece a visualização.
Reações:

0 comentários: