domingo, 4 de outubro de 2009

Navegadores desviam de vias principais CONFIGURÁVEL > É possível pedir para aparelhos indicarem ruas de bairro para fugir de trânsito nas grandes avenidas

CAMILA RODRIGUES
DA REPORTAGEM LOCAL

FELIPE LOBO
COLABORAÇÃO PARA A FOLHA
Em cidades com problemas de congestionamento, um meio de desviar das grandes avenidas é passar por ruas de bairro -o que só é recomendável para quem conhece o lugar. Para usar essa estratégia em locais que você não conhece, os 11 navegadores testados pela Folha oferecem uma opção de rota curta. A outra é a rápida, que dá preferência às vias principais.
Nos testes, somente o T940T, da Airis, e o G7, do Apontador, indicaram caminhos que deram voltas desnecessárias.
Ótimos substitutos dos guias de papel, os GPS permitem saber a mão das ruas e os locais onde a conversão é proibida. Mas não se deve confiar totalmente neles. A maioria indicou entre uma e quatro ruas contramão ou com conversão proibida. Nesses casos, após o desvio da rota original, o caminho foi recalculado com indicações corretas. O One XL, o A660, o Nüvi 200 e o C220, da Mio, não deram indicações erradas.
Em geral, os modelos testados têm bons receptores de sinal. Entre os que perderam sinal com facilidade sob viadutos estão o A660, o T-Levo, o Nüvi 200 e o iPaq. Eles se confundiram ao dar indicações, redesenhando a rota desnecessariamente. Um dos melhores nesse aspecto foi o Nav200, que não perdeu sinal nem no túnel Ayrton Senna, na zona sul de São Paulo.

Reações:

0 comentários: