domingo, 4 de outubro de 2009

Alguns cuidados são vitais para conservar as telas

Alguns cuidados são vitais para conservar as telas


segunda-feira, 28 de janeiro de 2008
Depois de decidida a tecnologia, o consumidor precisa zelar pelo aparelho. Como todo equipamento de ponta, telas de plasma e LCD demandam uma série de cuidados para que funcionem satisfatoriamente durante bastante tempo.

O primeiro cuidado é em relação ao local onde a tela ficará. Se for pendurá-la na parede, preste atenção à fixação do suporte. Um tombo pode inutilizar o equipamento. Se preferir colocá-la sobre um móvel, evite áreas com grande circulação. Como são muito mais leves do que os televisores convencionais, essas telas podem cair se levarem um esbarrão.

Elas também não foram feitas para serem tocadas. A maioria delas é frágil contra riscos e, no caso das de LCD, são mais vulneráveis a impactos do que os televisores de tubo. Um controle remoto arremessado contra a tela de LCD pode ser suficiente para a irreparável destruição do equipamento. Pode parecer loucura, mas chegou a acontecer com jogadores de Wii, já que o console exige bastante movimento corporal.

Telas de plasma são bem mais resistentes a choques porque são basicamente um sanduíche de sólidas chapas de vidro. Conseguem absorver melhor impactos frontais acidentais, mas, claro, não são indestrutíveis.

A limpeza dos aparelhos também é outro ponto importante. Em hipótese alguma limpe a superfície da tela com álcool ou produtos à base de solventes. Além de atacar as partes plásticas do acabamento, produtos químicos podem se infiltrar na parte da frente da tela e prejudicar irremediavelmente a TV, especialmente no caso das de LCD.

Use apenas um pano macio levemente umedecido em água limpa. Já existe no mercado um pano especial elaborado com fibras sintéticas que não agride as telas.
E finalmente muito cuidado com a eletricidade. É recomendável conectar sua tela a um estabilizador (do mesmo tipo utilizado com PCs) ou no-break para evitar picos de energia.J.A.
Reações:

0 comentários: