quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Hardware - USB Killer

USB Killer: Como funciona o pendrive que queima PC, NoteBook, TV e qualquer outro dispositivo com entrada USB




USB Killer: Como funciona o pendrive que queima PC, NoteBook, TV e qualquer outro dispositivo com entrada USB

Cada vez mais a ficção confunde-se com a realidade. Nos últimos dias muitos sites noticiaram sobre o USB KILLER V2.0 e deixaram muita gente assustada com esta possibilidade, no cinema já vimos o cenário tecnológicos ter muitos fins,  na vida real o USB KILLER V2.0 pode queimar o PC, NoteBook, TV e qualquer outro dispositivo que faça uso do USB!

Um homem que caminhava pelo metro quando passa por uma ladrão que rouba seu "Pendrive" o (USB Killer 2.0) que tinha na sua bolsa. O "pendrive" tinha o número “128 GB” escrito. Justamente para quando o ladrão chegar em casa, curioso, inserir o Pendrive na porta USB no dispositivos e em vez de descobrir informação valiosa ou ganhar um pendrive de 128GB… apenas conseguiu queimar o seu computador e talvez ainda outro dispositivo. Quando o ladrão retirou o "Pendrive" o (USB Killer 2.0) e alterou o texto de “128” para “129”. Mais tarde deixou o pendrive no metro para o coitado do 130 HAHAHA!
Esta história foi contada a um investigador russo que tem um nickname de Dark Purple. Este achou o conceito muito interessante e desenvolveu o seu próprio sistema USB para fritar computadores USB Killer
Mascote do Suporte Ninja

Quando ligarmos este dispositivo a uma porta USB, um inversor DC/DC um conversor será executado e carregará os condensadores para – 110V. Quando for atingida a voltagem, o conversor DC/DC desliga-se. Nesse mesmo momento, abre-se o Transistor de efeito de campo (FET).

Explicou o investigador Dark Purple.
USB Killer: Como funciona o pendrive que queima PC, NoteBook, TV e qualquer outro dispositivo com entrada USB
Assim fica funcional uma USB Killer que irá destruir efetivamente componentes sensíveis do computador quando o for ligada.

É utilizado para aplicar -110V às linhas da interface USB. Quando a tensão nos condensadores aumenta para -7V, o transístor fica em corte e começa a amplificação DC/DC. O ciclo continua indefinidamente até que tudo esteja queimado.

Por isso se você chegar no trabalho e encontrar um pendrive sobre o teclado. Se você inocentemente apenas liga seu computador e coloca  na porta USB para ver o que há dentro dele, e de repente seu PC não funciona mais. Você pode ter sido vítima de uma das pegadinhas mais cruéis que a tecnologia pode oferecer: o USB Killer.

O USB Killer foi revelado ao mundo em março deste ano por esse pesquisador russo “Dark Purple”, e agora ganhou a nova versão USB Killer 2.0 ainda mais mortal. Segundo seu criador, O USB Killer 2.0 é capaz de fritar praticamente qualquer dispositivo que possua uma interface USB (Notebooks, Computadores, TVs, DVDs, aparelho de som de carro e etc...)

O USB Killer 2.0 se disfarça como um pendrive, mas ele não tem o menor intuito de guardar arquivos. Sua única função é armazenar energia para descarregar toda essa energia de uma vez só de volta no computador (ou outro dispositivo com porta USB), queimando a máquina. A nova versão USB Killer 2.0 usa o dobro da tensão do que a anterior para fazer seu estrago.

Você pode ver o USB Killer 2.0 em ação neste vídeo abaixo:

Este é o diagrama de um projeto bem parecido com o do USB Killer 2.0

USB Killer: Como funciona o pendrive que queima PC, NoteBook, TV e qualquer outro dispositivo com entrada USB

Off-topic: Você pode fazer o pedido do seu próprio USB KILLER  Aqui!. Vem direto da China mas não são de muito boa qualidade pois a solda manual é muito melhor!
Fontes: OlharDigital, PplWare e kukuruku 
http://suporteninja.com/usb-killer-como-funciona-o-pendrive-que-queima-pc-notebook-tv-e-qualquer-outro-dispositivo-com-entrada-usb/
Reações:

0 comentários: