quarta-feira, 3 de outubro de 2018

Wi-Fi - nomenclatura irá mudar

Nomenclatura do Wi-Fi agora é numerada e a versão Wi-Fi 6 sairá já em 2019  


Até então, os roteadores Wi-Fi recebiam especificações um tanto quanto esquisitas, tais como “802.11ac” ou “a/b/g/n”, que pouco faziam sentido à primeira vista. Contudo, isso mudará em breve, pois a tecnologia passará a adotar números simples em sua nomenclatura.
Isso significa que a tecnologia não mais será identificada por uma letra e/ou um par de números (os quais eram usados para sugerir um padrão sem fio, como a versão atual, por exemplo, que é 802.11ac). A Wi-Fi Alliance, grupo de administra a implementação do Wi-Fi, determinou que, a partir de agora, serão adotados apenas números.
Ficam para trás os codinomes complicados, portanto, e entram identificações mais simples: Wi-Fi 5 é a atual versão, e o Wi-Fi 6 está programado para o próximo ano — e assim por diante. Por vias de curiosidade, eis uma lista dos Wi-Fi lançados até então e suas respectivas identificações:
  • Wi-Fi 1: 802.11b (1999)
  • Wi-Fi 2: 802.11a (1999)
  • Wi-Fi 3: 802.11g (2003)
  • Wi-Fi 4: 802.11n (2009)
  • Wi-Fi 5: 802.11ac (2014)
Assim, não é mais necessário se atentar às letras, apenas aos novos números. Vale também apontar que o Wi-Fi 5 é, obviamente, melhor do que o Wi-Fi 4, mas isso não significa que elas são incompatíveis, muito pelo contrário: as redes funcionam juntas, então um dispositivo voltado para a versão 5 certamente conseguirá se conectar ao 4 também.

Além do hardware

A Wi-Fi Alliance ainda planeja estender essa nova forma de identificação para além do hardware, o que significa que não serão apenas os roteadores e modems Wi-Fi que mostrarão a nova numeração: quando um usuário de conectar a uma rede, a intenção é que o sistema também mostre em qual versão a pessoa se conectando, exibindo “Wi-Fi 4”, “Wi-Fi 5”, etc, permitindo assim escolher entre a versão mais rápida.
A aliança deseja, afinal, que as empresas adotem a identificação numérica do Wi-Fi a partir de agora, se referindo apenas pelos números com as versões anteriores da tecnologia também —  mesmo que esta mudança só tenha sido feita agora, 5 versões depois.
De acordo com Kevin Robinson, chefe de marketing da Wi-Fi Alliance para o The Verge: “[a aliança] espera uma adoção muito ampla do termo”. Ele também admitiu que “é muito improvável que seja imediatamente adotado universalmente — [pois] não é assim que qualquer uma dessas coisas funciona. Mas a indústria se aproximará dessa abordagem mais geral da nomenclatura e, em último caso, os consumidores e a indústria irão se beneficiar desse movimento”.
O executivo também afirmou que as conversas sobre essa renomeação do Wi-Fi têm sido “muito transparentes” e, embora a aliança não possa forçar ninguém a adotar a nomenclatura nova, todos precisarão se esforçar um pouco para que não haja uma confusão.

Wi-Fi 6

A esperança de que a renomeação do Wi-Fi se consolide de vez está na chegada da próxima versão do Wi-Fi, o Wi-Fi 6.
A nova versão do Wi-Fi já está sendo desenvolvida, prometendo uma velocidade ainda mais rápida e melhor desempenho ao lidar com uma infinidade de dispositivos. Este novo modelo, inclusive, a princípio se chamaria 802.11ax, mas agora vai atender pela identificação mais simples.
E, embora nenhuma grande empresa tenha se comprometido com a mudança até agora, a Netgear anunciou que a nova nomenclatura que passará a ser usada no próximo ano “ajudará os clientes a entender e apreciar melhor” a diferença entre as gerações de Wi-Fi.
Fonte: The Verge
Reações:

0 comentários: